top of page

DEPOIS DA TEMPESTADE

Atualizado: 25 de dez. de 2020

Tempestades vem e vão. Algumas são previsíveis, outras inesperadas; geralmente desaparecem com a mesma rapidez com que surgiram, mas sempre deixam suas marcas, impelindo assim reações humanas após a sua partida.


O que devemos fazer depois da tempestade? Sugiro três atitudes:


1 – Reconheça a grandeza de Deus e que Dele somos dependentes.


Por mais rico, poderoso ou inteligente que seja uma pessoa, ela não consegue administrar uma tempestade. Somente Deus é onipotente e pode criar ou acalmar qualquer temporal. Grandes problemas servem para mostrar a nossa pequenez e evidenciar que o Eterno é de fato a única rocha sólida para se edificar uma vida.


2 – Verifique o que precisa de reparo.


Tempestades revelam as fragilidades de uma construção. Geralmente as partes mais frágeis são as primeiras a sofrerem danos, expondo assim áreas que carecem de reparo e reforço.


Alguns problemas de identidade, caráter e relacionamentos em nossa vida, serão evidenciados somente quando as crises chegarem. Quando isso acontecer, concentre-se em reparar o problema.


3 – Tenha coragem para prosseguir.


Por mais que a tempestade gere transtorno, medo e angústia, a vida continua e precisamos nos animar para prosseguir.


Nem sempre é fácil. Em muitos casos, o impacto foi tão grande que não encontramos forças para se levantar e continuar, mas é justamente por isso que nossa fonte de ânimo precisa ser Deus, Ele é o manancial que nunca seca.



Saiba que depois da tempestade, se estivermos abertos para aprender com as adversidades, Deus nos capacitará a reconstruir de maneira ainda mais excelente.


Passada a tempestade, o ímpio já não existe, mas o justo permanece firme para sempre. – Pv 10.25 Por: Lediel dos Santos


371 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page